8 de outubro de 2010

Rumo a Europa

É hoje!!

Aliás, faz tempo que eu não posto nada aqui, principalmente por isso. Correria de preparativos.
Deixar tudo praparado para a viagem e para as coisas que vão ficar aqui...

Minhas crianças vão ficar em casa, com minha cunhada e meu cunhado (padrinhos da Manu). Isso para não mudar muito a rotina dos dois e para não ter que separá-los. Mas logicamente a TRUPE para cuidar das encrencas está fazendo fila e já tá dando briga pra ver quem pega quem e quando...

A parte mais difícil de preparar uma viagem longa (15 dias longe de filhos para mim é longo) para o exterior é deixar as coisas no nosso lar alinhavadas.
As ordens para a empregada/babá, as coordenadas para os hóspedes cuidadores dos babys, as informações da portaria, escola, professora, pais...

 O que cada um come, que horas? Que horas acordam? Como escovam os dentes? Como usam o banheiro?

Qual o telefone do pediatra? Cadê as cadernetas de saúde? As cardeirinhas do convênio?

Como que se faz a mamadeira da Manuela?
O que o Bruno come?

Deixei pré-feita a matrícula do Bruno, deixei as vacinas de todos em dia. Deixei as unhas cortadas. Deixei um manual de instruções de como funciona a casa e as criOnças...

O guarda-roupa deles está catalogado, esvaziei um armário nosso para nossos hóspedes usarem. Deixei a pia do banheiro com menos entulho em cima...

Fizemos todo o rancho antecipado. Pagamos antecipado a empregada e a faxineira. Entregamos para nossos "substitutos honorários" os controles remotos da garagem e as senhas dos portões. Deixamos um calendário de atividades e os telefones úteis impressos na porta da geladeira.
O MSN do Alexandre vai ficar ligado em FLORIPA para que falem conosco através do MEU MESN na EUROPA....

Comprei 200 coisas que faltavam de vestuário para nos adaptar ao clima de lá. Ampliamos o limite do cartão, habilitamos para uso no exterior, compramos euros e libras também...

Enquanto corríamos com tudo isso, nossos bebês ainda tiveram uma faringite mosntruosa que colocaram eles no chão! Ficaram prostrados, chorosos, remelentos, febris, doloridos, obstruídos e muito vomitentos, o que sem duvidamente dificultou horrores nossas condições físicas e emocionais para organizar tudo...


Fazer as malas para viajar para a Europa, conhecer o velho mundo, que dizem ser a coisa mais maravilhosa do mundo, ficar 15 dias passeando, sem estress... Eu devia fazer isso assobiando, cantarolando, feliz da vida... Mas não tô, né?




Poucas vezes na vida estive com o coração tão apertado.
Deus sabe o quanto eu quis dizer NÃO quando o Alexandre propôs essa viagem... Mas estava tão longe que achei que nunca ia chegar....

Mas chegou o dia! E eu tenho vontade de desistir, pode?




Bom, bola pra frente... Vou tentar passar esses 15 dias felizes sem os meus fofuchos saltitantes, sem os sorrisinhos, sem os "mamãe! mamãe! mamãe! mamãe!" pela casa... Sem as correrias, sem os abraços e os colinhos... Sem o "dorme comigo..." E sem o cheirinho de bebê que tem a minha princesinha....

Quem lembrar, ore pela gente!
Porque família separada precisa de oração em dobro, né?

Beijocas!

2 comentários:

Tai disse...

Aproveita minha gineco preferida !
Ficarei aqui rezando pra dar td certo !
Bjs !

Joice disse...

Meeeeeuuuu, não tinha nem noção dessa arrumação toda pra viagem, caraca, deve ter sido uma loucura mesmo! Mas q bom q deu certo e ficaram todos felizes e saltitantes, rsrs.
Bjooo